Livro do momento: Morte e vida de Charlie St. Cloud

Oi gente!
Hoje é um dia meio triste para mim, pois completa 1 mês que meu cantor favorito, o Cristiano Araújo, morreu de uma forma tão trágica. Ainda fico sentida sabe? Eu admirava muito o trabalho dele, ele era uma pessoa maravilhosa e um artista muito humilde com os fãs. Eu amava todas as músicas dele, cada uma delas fizeram parte da minha vida, em vários momentos. 
E como estou de férias e com tempo de sobra, estou lendo vários livros e tendo o costume de resenha-lo aqui para vocês. Esse que eu vou mostrar eu peguei emprestado na biblioteca da minha faculdade, por isso o código de barras na capa... haha
Hoje, eu começo com o livro do Ben Sherwood; Morte e vida de Charlie St. Cloud.
Vamos conferir?


Sinopse do livro: Em uma pacata vila de pescadores da Nova Inglaterra, Charlie St. Cloud cuida dos gramados e monumentos de um antigo cemitério onde seu irmão mais jovem, Sam, está enterrado. Após sobreviver ao acidente de carro que tirou a vida de seu irmão, Charlie recebe um dom extraordinário: ele consegue enxergar, conversar e até mesmo brincar com o espírito de Sam. É nesse mundo místico que entra Tess Carroll, uma cativante mulher treinando para navegar sozinha ao redor do mundo em um veleiro. O destino faz com que seu barco seja apanhado por uma violenta tempestade, trazendo-a, assim, para a vida de Charlie. Sua bela e incomum ligação os leva a uma corrida contra o tempo e a uma escolha entre a vida e a morte, entre o passado e o futuro, entre apegar-se ou deixar o passado para trás - e à descoberta de que milagres podem acontecer se nós simplesmente abrirmos nosso coração.


O que eu achei do livro: A história é muito bonita e o autor me enganou direitinho quando o Charlie e a Tess se conhecem. O começo do livro, eu achei meio confusa e de leitura cansativa. Mas depois, acontece uma reviravolta na história e o livro “te prende” na leitura e você não para mais (terminei de ler o livro em 2 horas). Esse livro é bem espiritual, dá uma ideia de como é quando as pessoas morrem, eu achei bem confortante, ainda mais para aqueles que perderam algum ente querido; na história (em algumas partes), o autor descreve em como os mortos sofrem quando morrem e vê que seus parentes não conseguem superar a perda. Mas eles mal sabem que aqueles que morreram estão bem perto deles e estão bem.
Eu adorei a história e leria novamente. Esse livro de uma forma ou de outra, conforta a dor daqueles que perderam alguém, pois deixa a gente a acreditar que eles estão em um lugar melhor e estão perto de nós; seja em forma de vento, crepúsculo, etc.

*Ahn, lembrando que eu só li o livro, ainda não assisti o filme..

Informações do livro: 37 capítulos, 296 páginas, editora: Novo Conceito.




E aí, vocês já leram esse livro? O que acharam?
Espero que gostem da resenha, até a próxima!
Beijos. 

6 comentários:

  1. Não conhecia o trabalho do Cristiano Araújo, soube depois da sua morte. Uma pena muito grande as pessoas acabarem de uma forma assim tão trágica. Fica aqui os meus sentimentos.
    Quanto ao livro, adorei, parece ser muito interessante a história. Beijos

    http://luceliam2012.blogspot.no

    ResponderExcluir
  2. Oiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii amiga linda que saudades que eu estava de te visitar ,já voltei de viagem ,e vim aqui te visitar ,bom adorei este livro ,já estou ansiosa para ler ...bjs

    ResponderExcluir
  3. Nunca li esse livro :/ .Acho que se eu tiver uma oportunidade irei ler ele com certeza :)
    Bejos *-*
    garotasnaamoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Lady, passando para conhecer seu blog e digo que fiquei encantada. Adorei o conteúdo e lay out muito meigo, adorei!!
    Te convido a conhecer meu blog, também amoooo livros e esse eu não conhecia, me interessei muito!
    Bjos Lili
    http://lillyneves.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário ou sugestão!
Sigo todos de volta, é só avisar nos comentários e deixar o endereço do seu blog.
Beijos. ♥

Diário da Lady