Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

25 agosto 2017

Lidando com a morte

Oi gente!


Em 2016 senti na pele o que é a morte e seu poder de nos destruir temporariamente: O coração de despedaça e uma parte da nossa vida vai embora com aquele ente querido que se foi. Passa uns dias e você cai na real de que aquela pessoa não existe mais, que tudo acabou e você nunca mais irá escutar a sua voz, sentir o abraço e os conselhos. Para mim, é a parte mais difícil. Nunca soube lidar direito com esse sentimento vazio que às vezes toma conta de mim, suga as minhas boas lembranças e me faz chorar. Dói porque me faz falta, porque estava junto a mim e porque minha família era completa. Vendo a morte por outro ângulo, acho que foi necessário passar por ela para descobrir quem são os falsos, sentir a dor da perda e aprender com ela.


Aprender a dar valor aos vivos, se permitir chorar, entristecer, lamentar e acima de tudo, lembrar com alegria daqueles que nos deixaram de uma forma inesperada. Uma coisa é verdade; ninguém está preparado para o fim, mas, a vida nos obriga a passar por ele. Você tem o direito de se fechar para o mundo (assim como eu fiz), mas não se esqueça que há pessoas que se importam com você e que tentam te ajudar da melhor forma. Aos poucos, a tristeza e a dor da morte se transformam em recordações, saudade, carinho e gratidão. Aproveite essa mensagem e demonstre seu amor àqueles que se importam com você, já que não sabemos quando a morte irá surgir no nosso caminho. Sorria, chore, abrace, confie, fique perto, seja forte e sinta saudade. Este é o meu conselho.





Até a próxima!
Beijos. 

2 comentários:

  1. Oiê Lady.
    Lidar com a morte não é fácil, e sempre vai deixar marcas em nós. É uma coisa que temos que enfrentar infelizmente, e estar preparado é uma coisa impossível de estar. Somente a fé e o tempo amenizam essa dor.
    O seu conselho é perfeito, e assim que temos de fazer e agir. Aproveitar ao máximo possível os que estão conosco.

    Abração^.^



    ResponderExcluir

Deixe sua opinião aqui:
Beijos. ♥

Diário da Lady