Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

23 agosto 2018

Cuidados que você deve ter ao usar o cartão de crédito

Oi gente!
A postagem de hoje foi escrita com muito carinho pela Celeste, espero que gostem:


Neste texto, discutiremos um assunto sempre atual e de grande importância: falaremos sobre cuidados que você deve ter ao usar o cartão de crédito. Assim como o cheque especial, ele é uma das fontes de crédito mais usadas pelos brasileiros. Ele tem suas vantagens e pode ser um instrumento útil, mas é preciso tomar cuidado para evitar graves problemas.

De modo geral, é bom ser comedido no uso do cartão de crédito. A disponibilidade de crédito que ele oferece dá uma ilusão de falta de limites que induz a pessoa a gastar mais do que gastaria se não fosse por ela (pesquisas indicam que pessoas usando cartão tendem a gastar mais em um lugar do que pessoas pagando com dinheiro vivo, por exemplo) e a perder o controle sobre os gastos que está fazendo. Não trate o cartão de crédito como se ele fosse uma fonte suplementar de renda, pois ele não é. Lembre-se: todos esses gastos terão que ser pagos depois. Evite compras por impulso.

O ideal é reservar o uso do crédito para valores que se repetem (como de contas de TV a cabo ou do Netflix por exemplo) ou que precisam ser parceladas. A previsibilidade dos pagamentos ajuda a manter o controle sobre as contas. É pouco recomendável usar o crédito para pagar contas variáveis como as de energia ou do supermercado. Nestes casos, se possível, opte por boletos, cheque, opção débito do cartão, dinheiro vivo, etc.

Faça o possível para não atrasar o pagamento da fatura. Os juros podem tornar a dívida em uma bola de neve cada vez maior e, em pouco tempo, gigantesca. Se já estiver no vermelho, não espere que os juros altos tornem a dívida impagável e o problema praticamente impagável. Procure logo a instituição emissora do cartão e tente renegociar sua dívida, pedindo desconto e tentando conseguir um plano de pagamento que possa cumprir. Se necessário, corte seus gastos de modo a seguir o plano e pagar a dívida o mais rápido possível.

Apesar da enorme oferta de cartões de crédito (de bancos, supermercados, lojas, etc.) sugere-se que uma pessoa não tenha muitos cartões. Já é suficientemente difícil controlar um cartão só. Uma multiplicidade de cartões também pode induzir a pessoa a comprar mais do que pode/deve. Afinal, há mais crédito disponível.



Poucos cartões oferecem vantagens consideráveis a ponto de valer a pena tê-lo como cartão extra. Além disso, muitos cartões podem levar a ter que pagar taxas como as de anuidade de múltiplos cartões muitas vezes sem nem usá-los. Concentre seus gastos em um cartão principal e aproveite os benefícios do programa de pontos/fidelidade dele. Há várias bandeiras de cartões entre as quais escolher no Brasil. Por exemplo, MasterCard.

Além das medidas para controlar gastos mencionadas acima, sugerimos que, para evitar que alguém use seus dados, peça periodicamente à operadora que mude sua senha do cartão, não a use como senha de mais nada e só forneça dados como número do cartão e data de validade dele a empreendimentos dignos de confiança.

Se tiver dúvidas ou queixas, não hesite em ligar para o Serviço de Atendimento do cartão ou usar algum dos números de sac 0800. De modo geral, este serviço é realizado pela instituição emissora dele (geralmente, um banco, por exemplo, o Banco do Brasil). Se não souber o número de contato e ele não estiver no cartão, procure informações no site da instituição emissora ou, falhando isso, no site da bandeira do cartão. Outra opção é ir a uma agência da instituição emissora buscar informações.

Esperamos que as informações sobre cuidados que você deve ter ao usar o cartão de crédito sejam-lhe úteis e ajudem-no a usar bem as possibilidades que seu cartão abre para você.



Gostaram da postagem? Comente!


Até a próxima!
Beijos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião acima:
Beijos. ♥