Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

22 agosto 2018

Caroços na pele após a depilação

Oi gente!
A postagem de hoje foi feita com muito carinho pela Larissa Carvalho, espero que gostem:


"Depois de visitar a esteticista ou após fazer a depilação sozinha, você poderá notar pequenos carocinhos vermelhos nas áreas onde seu pelo foi removido. Essa é uma reação comum à depilação, mas pode ser bem embaraçosa se os carocinhos estiverem localizados em áreas visíveis. Eles também podem ser desconfortáveis e gerar coceira. Estes caroços pós-depilação costumam surgir devido a uma reação de curta duração dos folículos pilosos, mas podem ter outras causas menos comuns."


Irritação de curta duração:
Cada pelo está ligado a tecido vivo dentro do folículo piloso, por baixo da superfície da pele. Quando você remove o pelo com a depilação, o tecido do folículo fica danificado ao ser puxado. Como acontece em qualquer lesão na pele, o corpo responde com uma reação inflamatória. Portanto, os carocinhos rosa que você vê depois de depilar são apenas seus folículos pilosos respondendo a pequenos traumas que surgem ao puxar o pelo. Esta irritação de curta duração aparece imediatamente após a depilação e desaparece após um ou dois dias.


Foliculite:
A foliculite refere-se a uma erupção cutânea semelhante a uma espinha envolvendo os folículos pilosos. Cada caroço rosa tem uma pequena cabecinha cheia de líquido na superfície da pele afetada por esta condição. Se a depilação foi feita no rosto ou no peito, a foliculite pode ser facilmente confundida com um surto de acne. Na maioria dos casos, a foliculite após a depilação representa uma pequena infecção dos folículos pilosos que foram deixados abertos para as bactérias na superfície da pele devido à retirada do pelo. Em algumas pessoas, não há infecção dos folículos pilosos e a foliculite se desenvolve devido à irritação da pele. O atrito causado pelo uso de roupas apertadas  pode contribuir para o desenvolvimento de foliculite após a depilação.


Caroços tardios:
Carocinhos que se desenvolvem uma semana depois da depilação são, provavelmente, pelos encravados. Esta condição, conhecida no mundo médico como pseudofoliculite, é mais provável de ocorrer quando a depilação envolve a remoção de pelos grossos e encaracolados. Por esta razão, os pelos encravados são mais comuns após a depilação da zona púbica e no peito. Como o nome indica, um pelo encravado ocorre quando o pelo removido cresce, mas para dentro da pele quando está a imergir na sua superfície. Estes problemas causam o aparecimento de caroços sensíveis ao toque, inflamados e parecidos com espinhas. Em contraste com os caroços  irritantes que aparecem imediatamente após a depilação, os caroços  tardios devido a pelos encravados são geralmente menos numerosos.


Medidas preventivas:
A probabilidade de desenvolver caroços na pele após a depilação varia dependendo com a sensibilidade da sua pele, da zona que será depilada, do produto que está sendo usado e da técnica de depilação. Apesar de não existir nenhuma garantia de que você conseguirá ignorar este problema por completo, existem alguns passos que você pode tomar para reduzir a probabilidade e a severidade dos caroços que surgem após a depilação. Limpe bem a pele antes da depilação. Certifique-se de que a cera e a espátula estejam limpas e novas. Se sua depilação for feita profissionalmente, verifique se o salão e a esteticista estão usando técnicas adequadas para evitar uma possível infecção.


Cuidado e precauções após a depilação:
Uma compressa ou banho frios após a depilação podem ajudar a reduzir a irritação imediata pós-depilação. Usar um creme de cortisona sem receita médica na área afetada por um dia ou dois também pode reduzir a inflamação e qualquer coceira que possa estar presente. Uma loção calmante e hidratante também pode ser útil. É melhor evitar nadar em água sem cloro ou usar uma banheira de hidromassagem por 24 a 48 horas após a depilação do corpo para evitar a foliculite. A foliculite superficial geralmente não requer antibióticos tópicos ou orais e desaparece sozinha. Você precisará manter a área limpa e evitar partilhar toalhas ou roupas com outras pessoas até que a infecção seja eliminada. Consulte o seu médico se você desenvolver caroços grandes ou que continuam a crescer, especialmente se você tiver febre, se a vermelhidão se estiver espalhando ou tem outros sintomas preocupantes. Caroços no braço, embaixo do queixo ou atrás da orelha têm causas variadas e podem ter como causa condições bem graves.


Para mais artigos da Drª Larissa Carvalho visite o site Saúde SOS.



Gostaram da postagem? Comente!


Até a próxima!
Beijos. 

4 comentários:

  1. Muito bom o post amore Nunca me depilei com o método de cera, mas bom saber o que normalmente pode acontecer e tudo mais. Xeruh

    www.kleidenaira.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito das dicas. :)
    Obrigada! Também te desejo o maior sucesso. <3
    Beijinho

    www.trendsandfashionblog.pt

    ResponderExcluir
  3. Amei suas dicas, nunca tive, mas acho que é bem comum, né? Não gosto de me depilar com cera.

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião aqui:
Beijos. ♥